Medicina Complementar

vegetais-crus-tl

    A cada dia buscamos produtos naturais para cuidar da nossa beleza, lendo uma reportagem do jornal O Globo de 2006 (sim, eu tenho algumas reportagens guardadas e peguei recentemente para ler e colocar aqui no blog, depois jogar fora o papel), resolvi disponibilizar aqui.
Um médico e pesquisador, Alex Botsaris, autor do livro “Medicina Complementar”, abordou as prioridades cosméticas de 10 vegetais ao alcance de todos. Vamos a eles:

  • Aspargos – conhecido pela capacidade de rejuvenescimento, é também diurético,ajuda atenuar cólicas e palpitações. E cada 100g tem apenas 13 calorias. Prefira o fresco e com haste verde, pois tem mais antioxidantes, como caroteno (acredito que bom para pegar aquele bronze também) e vitamina C.
  •  Azeitonas – com função emoliente e antienvelhecimento, é rica em flavonóides (bom para menopausa) antioxidantes. Na região mediterrânea é usada em sabonetes, óleos hidratantes e cremes para cabelo e pele. O óleo é do tipo “delivery function” porque auxilia a penetração de outros ativos, além de reduzir a hiperpigmentação da pele causada por raios ultravioleta.
  • Fruta de Conde – rica em GABA (ácido gama-aminobutírico), reduz a sensibilidade da pele, modula a hidratação e ativa a reparação da barreira cutânea. Os aminoácidos arginina, lisina e ortinina auxiliam a cicatrização da pele, ativam o metabolismo e melhora a eficiência do sistema antioxidante.
  • Hortelã – cultivada e conhecida por gregos, chineses, árabes, romanos e persas há mais de 4.000 anos. Na pele, dá refrescância sensorial e tem potencial para uso em fotoproteção, por causa de sua ação protetora do DNA. Os flavonóides apigenina, rutina e hisperidina tem ação antioxidante, antiinflamatória e antialérgico.
  • Tomate – os carotenóides licopeno e betacaroteno tem atividade antioxidante, protegendo contra raios ultravioleta e ainda tem ação corante. Os polissacarídeos xiloglucans e mucilagem, além de antioxidantes, protegem as células langerhans existentes na epiderme e na derme e aliviam o desconforto de queimaduras. Ainda estimula os melanócitos e é a mais rica fonte de licopeno.
  • Arroz – deu origem a tradição cosmética do ocidente, quando atores de ópera e teatro orientais o utilizavam na preparação de suas máscaras – daí vem o nome “pó de arroz”, como é chamada popularmente as bases. Na China e no Japão é usado em máscaras para clareamento e hidratação da pele. Pesquisas revelam que os derivados do ácido ferrúlico tem ação antioxidante e antiinflamatória, potencializando a proteção ultravioleta das vitaminas C e E, e tem potencial de clareamento, entre outras funções. Os glicoesfingolipídeos aumentam a barreira cutânea, modulam a atividade dos fibroblastos cutâneos e aumentam a sínteses de ceramidas em queratinócitos.
  • Kiwi – rico em vitaminas E, C, B1 e B6 e minerais como cálcio, magnésio e zinco. Tem ação antioxidante, protege contra os radicais livres e os raios ultravioleta, tem potencial para regular e proteger o colágeno, além de formar um filme que hidrata a pele e as mucosas. Para completar, tem também atividade antimicrobiana, antiinflamatória e antitumoral.
  • Chá Verde – além de ação antioxidante de seus polidenóis, inibe a formação de tumores cutâneos e tem atividade antiinflamatória e de proteção contra raios ultravioletas. Outras funções importantes são melhorar o metabolismos da matriz do tecido conjuntivo e induzir a lipólise, o que ajuda o combate a celulite.
  • Laranja – seu extrato é rico em bioflavonóides, politoxiflavonas e alcalóides que proporcionam atividade antiinflamatória e antioxidante, protegendo os tecidos e as enzimas contra tóxicoss e radiação. Os óleos essenciais das cascas do fruto e suas flores tem efeito calmante. Seus limonóides, além de proteger contra os radicais livres, tem potencial para repelente de insetos.
  • Pêssego – é indicado como emoliente e protetor de mucosas. O óleo de suas sementes foi usado por longo tempo em cosméticos para hidratação da pele e dos cabelos, sendo depois substituído pelo óleo de amêndoas, por causa da facilidade de extração. Devido aos seus triterpenos, o pêssego inibe a formação de tumores cutâneos, reduz a inflamação na pele e aumenta a permeação de outros ativos. Seu extrato é bom hidratante, ativa a circulação e tem potencial para ser usado em pprodutos que auxiliam na firmeza da pele.

Além dessas dicas, ele disponibilizou 2 receitas testadas e aprovadas por ele:

Máscara de Arroz – cozinhe um pouco de arroz até ele ficar pegajoso, bem mais do que para comer. Deixe esfriar e vá amassando com as mãos, se desejar, acrescente um pouco de chá de alecrim, por exemplo. Continue amassando até virar uma pasta. Espalhe a pasta sobre a face e deixe agir por cerca de 10 a 15 minutos, ficando de olhos fechados. Retire após o tempo recomendado e lave bem o rosto.

Creme para Rugas – é feito com azeite e chá verde. Coloque uma colher de sopa de folhas de chá verde em 30 ml de álcool e deixe curtir durante uma semana. Esquente o álcool durante algum tempo para que a tintura evapore parcialmente, até reduzir apenas a metade do volume. Misture bem com 50ml de azeite. Em separado, numa panela, leve 100g de manteiga de cacau para derreter em fogo bem baixo ou em banho-maria. Depois de derretida, acrescente o preparado de azeite com o álcool de chá verde e misture bem até esfriar. Aplique no rosto à noite, deixe agir por pelo menos 1h e retire antes de dormir, lavando o rosto com sabonete de glicerina.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s