Favoritos de Fevereiro

   Sei que está atrasado, postarei na data que havia programado, estou me ajeitando para não deixar mais erros assim.   Voltei a fazer lista de tarefas, assim não deixo de fazer post, gravações e minhas tarefas da faculdade.  Aperta o play.

Favoritos de Janeiro

    Sim, você não está lendo errado, somente agora me dei conta que não liberei o vídeo de favoritos de janeiro, onde falo produtos que mais tenho gostado de usar.  Então me perdoem e domingo vou liberar (ou tentar) o vídeo de favoritos de fevereiro. bj

Jogo de Lentes para Celular

caixa lentes

      Tava tendo uma promoção na revista da Avon desse jogo de lentes para celular e resolvi aproveitar e comprar.  Já tenho uma capa de celular com uma lente objetiva, e resolvi que queria a lente fish eye e uma macro, então mergulhei na promoção.

      Vem com bolsinha para guardar, uma presilha, onde colocamos a lente, e 2 lentes, uma macro e uma olho de peixe.

 

Em ordem a macro e a olho de peixe.

     Não lembro quanto paguei, mas foi por volta de R$30,00, meio caro, mas foi o que encontrei mais barato.  Gostei delas, sei que parece futilidade, mas ajuda para fotos aqui para o blog e em vlogs.

Museu do Amanhã

      Domingo, dia 20 de dezembro, fui com uma amiga, minha irmã e meu sobrinho mais velho no Museu do Amanhã, aqui no Cento do RJ.

O Museu inaugurou recentemente, no dia 19 de dezembro, e foi feito um viradão no primeiro fim de semana, se não me engano, foram 32h aberto ao público e com entrada gratuita, legal, né?! Lógico que em período de férias escolares e programa grátis, o museu estava lotado. Mas valeu a pena para conhecer e com certeza planejar uma volta com mais calma.  Pelas estatísticas feitas, foram mais ou menos 25 mil pessoas.

O Museu do Amanhã é uma iniciativa da Prefeitura do Rio de Janeiro, concebido e realizado em conjunto com a Fundação Roberto Marinho, instituição ligada ao Grupo Globo, tendo o Banco Santander como Patrocinador Máster. O projeto conta ainda com a BG Brasil como mantenedora e o apoio do Governo do Estado, por meio de sua Secretaria do Ambiente, e do Governo Federal, por intermédio da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep).  Levou quatro anos para ficar pronto. O projeto é do arquiteto espanhol Santiago Calatrava, e é dividido em cinco espaços onde convida os visitantes a refletirem sobre o passado, o presente e o futuro. É um museu para olhar, sentir e pensar.

Posso dizer que sai de lá com muita preocupação com o amanhã, se não pararmos de poluir e maltratar o mundo, pagaremos bem caro.  Já estamos começando a pagar, calor e chuvas desenfreadas, animais em extinção, desmatamento acelerado….

O museu funcionará de terça a domingo, das 10h às 18h, com última entrada para as exposições às 17h. Às segundas, o Museu e suas dependências ficarão fechados. A entrada custa R$ 10.  Menores de 21 anos, estudantes de escolas e universidades particulares, pessoas com deficiência, servidores públicos do município, moradores da cidade e clientes Santander pagam R$ 5.  Já alunos e professores da rede pública, crianças menores de 5 anos, pessoas com mais de 60 anos, funcionários de museus ou associados do Icom, guias de turismo e moradores do entorno do museu têm entrada gratuita.

Bem pertinho dali, fica o MAR – Museu de Arte do Rio, outro museu bem legal.

Tem mini vlog:

Veja as fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.